Share Button

Uma das delícias – e agruras – de quem decide viver em um país diferente do seu é habituar-se a uma nova cultura. Ainda que não haja uma mudança radical de cultura, é inevitável que o modo de vida sofra alterações. Até começar a viver o dia a dia na Itália, pensava conhecer bem a cultura italiana. Ledo engano! Passamos a conhecer a cultura de um local quando vivenciamos as experiências mais triviais, quando nos defrontamos com os pequenos desafios de todos os dias.

Me considero uma pessoa bastante aberta a novas experiências, com flexibilidade para me adaptar a diferentes situações, mas sofro muito em um ponto específico: horários. Nascendo e vivendo quase toda a minha vida em uma metrópole como São Paulo, me acostumei a ter horários cada vez mais flexíveis. Almoçar antes das 2 da tarde significava almoçar cedo. Jantar antes das 9 da noite nem pensar! Com o tempo também adaptei os meus horários de trabalho, preferindo trabalhar até mais tarde para não ter que levantar cedo na manhã seguinte. Nada disso seria um problema se decidisse viver em uma outra grande metrópole, mas vivendo em uma pequena cidade do norte da Itália, passei a ter que rever todos os meus hábitos.

Cansada de levar broncas diárias pela minha “falta de atenção aos horários”, estou me empenhando em seguir a cartilha italiana. Primeira lição que aprendi e que serve para todos os brasileiros que visitam a Itália: nunca, jamais, em nenhuma hipótese peça um cappuccino depois das 10 da manhã, muito menos à tarde! Segunda lição: o almoço é feito entre 12:00 e 13:30, depois disso corre-se o risco de ficar sem comer. Mesmo em grandes e turísticas cidades, como Milão e Roma, são raros os restaurantes que servem almoço após as 14:00 horas. Terceira lição: se quiser jantar bem, não ouse chegar a um restaurante às 10 da noite, pois é muito provável que ouça que a cozinha já está fechando. O horário para jantar varia entre 19:00 e 21:00, depois disso só com muita sorte. E isso vale tanto para restaurantes de chefs estrelados, como para o restaurante da esquina. Por fim, se reservar uma mesa para as 20:00 não chegue às 20:30, pois provavelmente a sua reserva já terá decaído.

Superado o rigor de horário dos italianos, agradeço por poder provar todos os dias as tantas maravilhas da culinária italiana!